Capítulo 02. Resistores
Leitura Complementar

Efeitos da Temperatura

A resistência elétrica de um condutor depende da temperatura. Sendo R0 a resistência elétrica de um condutor à temperatura 0 e R a resistência à temperatura , podemos escrever, com boa aproximação, que:




em que é a variação de temperatura e é o coeficiente térmico.

No estudo do coeficiente térmico , ficou constatado que dois fatores participam de sua determinação conceitual: o número de portadores de carga livre e o grau de agitação molecular dos elementos da rede, que altera a mobilidade da carga.

Assim sendo, temos três hipóteses possíveis para o coeficiente térmico :


1) : isto ocorre na maioria dos metais, pois, com o aumento da temperatura, o número de elétrons livres é praticamente constante e o grau de agitação molecular aumenta, o que dificulta o movimento dos portadores de carga livres.

Nos metais: aumenta R aumenta

2) = 0: isto ocorre em algumas ligas metálicas, por exemplo, constatam (liga de níquel-cobre), em que os dois efeitos se equilibram e a resistência permanece praticamente constante.

3) : isto ocorre, por exemplo, no silício, germânio e carbono, em que o efeito de aumento do número de portadores de cargas livres supera o aumento do grau de agitação molecular da rede, o que diminui a resistência do material.

Na prática são utilizadas siglas para a identificação de como a resistência elétrica de um resistor varia com a temperatura:

PTC (positive temperature coefficient): quando a resistência elétrica aumenta com o aumento de temperatura;

NTC (negative temperature coefficient): quando a resistência elétrica diminui com o aumento de temperatura.



1
  Capítulo 02. Resistores 1