Capítulo 07. Óptica da Visão

1.5. Amplitude de Acomodação

É a grandeza a definida pela expressão


Sendo d a distância mínima de visão distinta e sendo D a distância máxima de visão distinta.

Para um observador normal



Observe que a tem dimensão de inverso do comprimento, costumando ser medido em dioptrias (inverso do metro).

Sendo de aproximadamente 25 cm a distância mínima de visão distinta, teremos:
 

G. Acuidade Visual

Para que dois pontos objetos A e B sejam vistos distintamente, eles devem ser observados sob um ângulo mínimo, da ordem de um minuto, denominado acuidade visual.




Se o ângulo visual for inferior ao de acuidade visual, as imagens A’ e B’ formar-se-ão numa mesma célula sensitiva da retina e teremos a impressão de um ponto único.

1.7. Zona de Acomodação

Para que um ponto objeto possa ser visto com nitidez, ele deve situar-se entre o ponto máximo e o ponto remoto do olho.

A região do espaço compreendida entre tais pontos é denominada zona de acomodação ou intervalo de visão distinta.

1.8. A Cor dos Corpos

A percepção das cores, pelo olho humano, está associada a três fatores: uma fonte de luz, a capacidade do olho humano em diferenciar os estímulos produzidos

por diferentes cores de luz e os materiais que apresentam cores distintas.

 


A luz branca é uma mistura ou o resultado da presença concomitante de luz nas seguintes cores:

VLAVAAV – Vermelho – Laranja – Amarelo – Verde – Azul – Anil – Violeta
Prisma – decomposição da luz branca


 
 


Disco de Newton – composição da luz branca

 



73
  Capítulo 07. Óptica da Visão 73