Capítulo 03. Espelhos Esféricos
6.2. Espelhos Convexos

A imagem é direita, menor e virtual.


Observação importante

“Para objetos reais, quando a imagem conjugada for real, ela será obrigatoriamente invertida e, quando virtual, direita.

 
Exercícios Resolvidos


01. A figura abaixo mostra um objeto puntiforme O e sua respectiva imagem I, associados por um espelho esférico côncavo de eixo principal xx’. Localize graficamente o espelho e indique a natureza da imagem.

 

Resolução

Sendo a imagem invertida, concluímos que a imagem é de natureza real.

Para localizarmos o centro de curvatura, usamos a propriedade do centro de curvatura. O ponto objeto, o ponto imagem e o centro de curvatura estão sempre alinhados, pois o raio que incide pelo centro, reflete-se sobre si mesmo.

Para localizarmos o vértice do espelho, lembramos que o raio de luz que incide no vértice reflete-se obedecendo à lei da reflexão. Para isto, rebatemos a imagem (ou o objeto).



O ponto objeto, o ponto imagem e o centro de curvatura estão sempre alinhados.
Obtemos C.
O raio de luz que incide no vértice, reflete-se formando com o eixo o mesmo ângulo.
Obtemos V.


02. Determine geometricamente o espelho esférico que conjuga ao objeto real AB, colocado sobre o eixo principal, a imagem A’B’.


Resolução

Como a imagem do objeto é invertida, sabemos que é real, e o espelho é um espelho côncavo. O objeto está antes de C e a imagem está entre C e F.
Para determinar o vértice V do espelho, invertemos o objeto AB, obtendo a construção A”B”. Uma reta que passe por A” e por A’cruza o eixo principal em V.



Utilizando um raio incidente paralelo ao eixo principal, determina-se o foco principal. O centro de curvatura dista do vértice V o dobro da distância de F a V.


33
  Capítulo 03. Espelhos Esféricos 33