Capítulo 02. Movimento Uniforme

Resolução

a) Trata-se de um movimento uniforme que apresenta s0 = 20 m e = -5,0m/s (retrógrado).

Sendo: 

b) Origem dos espaços:  s = 0.

Assim: 

03. A tabela a seguir apresenta as posições ocupadas por um móvel, em movimento uniforme, em função do tempo.

Pede-se:

a) o formato da trajetória do móvel;

b) a partir dos dados da tabela, cons- trua o diagrama horário do espaço e calcule a velocidade escalar do móvel;

c) determine a posição (s0) do móvel no instante t = 0;

d) Escreva a função horária do espaço para esse móvel.

Resolução

a) Indeterminada, pois não há dados para isto.

b) Gráfico s x t :

c) Escolhemos um ponto qualquer da tabela.

Por exemplo: t = 8,0 s e s = 10 m.

Substituindo na função horária s = s0 + · t, temos:

10 = s0 + 5 · (8)

10 = s0 + 40     

s0 = – 30 m

d) Sendo s0 = – 30 m; e = 5,0 m/s, temos:

s = s0 + ·t       

s = –30 + 5t    (SI)

04. Dois carros A e B movimentam-se na mesma rodovia. No instante t = 0, suas posições e os respectivos módulos de suas velocidades escalares constantes estão indicadas na figura abaixo. Determine o ponto de encontro dos móveis.

Resolução

As funções horárias para os carros A e B são:

sA = 20 + 60t   e   sB = 300 – 80t

No ponto de encontro, temos sA = sB. Então:

20 + 60t = 300 – 80t       

t = 2,0 h

ou seja, o encontro dos carros verifica-se duas horas após a passagem deles pelas posições iniciais da figura.

Substituindo t = 2,0 h nas equações horárias dos dois carros:

Portanto, o encontro dos carros A e B ocorre no km 140, ou seja, a 140 km da origem dos espaços.

Construindo-se os gráficos s x t para os dois móveis, percebe-se o processo de encontro ocorrido.


24
  Capítulo 02. Movimento Uniforme 24